Ginásio do Parque São George recebe apresentação teatral gratuita

Capa-projet_20181011-023332_1
Capa do projeto (Foto: Fábio Lúcio)

A Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer de Cotia, por meio do PROAC ICMS e produção da FC Cenografia e da Palco Cia de Teatro, traz para a cidade o projeto "Brincando com Arte". A peça itinerante percorre várias cidades do Estado com apresentações gratuitas para crianças da rede pública de ensino e para a população em geral.

A peça de teatro infantil é totalmente interativa e os espectadores assistem à história brincando todo o tempo junto com os atores, as brincadeiras são colhidas do folclore infantil brasileiro. O espetáculo foi merecedor por duas vezes consecutivas do Prêmio Pontinhos de Cultura (Ministério da Cultura) e do Prêmio Valores do Brasil (Banco do Brasil). Indicado ao Prêmio Brasil Criativo 2014. Texto selecionado pelo catálogo Bologna para representar o Brasil em uma das maiores feiras literárias do mundo.

No espetáculo, o público de todas as idades se divertem e cantam com brincadeiras diversas colhidas da cultura popular brasileira, numa iniciativa que integra pais, avós, educadores e crianças em uma viagem ao "túnel do tempo" dos brinquedos.

Brincadeiras e cantigas integrantes do espetáculo
"Se Essa Rua Fosse Minha" – Versão do sudeste brasileiro
"Histórias Sem Fim" – "O Caranguejo" Origem Nordestina
"Dorme Suzana" – Versão do Estado das Alagoas
"Cabra Cega" – cantiga inicial versão do centro-oeste brasileiro
"Cinco Marias" – brincadeira de origem luso-brasileira
"Cataflau" – Canção onomatopaica indígena de ninar - Piauí
"Alecrim Dourado" – Versão Parananense
"Macaco Foi à Feira" – Versão do Nordeste Brasileiro
"Elástico" - versão do sudoeste com variações nordestinas
"Escravos de Jó" – Versão Paranaense
"Batatinha Frita 1, 2, 3" – Versão do sudeste brasileiro
"Mamãe Posso Ir" - Versão do estado do Rio de Janeiro
"Carrapato Vai-te Embora" – Versão Pernambucana
"Sapo Cururu" – Versão do Estado de São Paulo
"Teresinha de Jesus" – Versão do Estado do Rio de Janeiro
"Salada Mista" – Versão do Estado do Rio de Janeiro
"Peteca" – Resgate da origem indígena do brinquedo
"O Que é – O Que é" – ou adivinhas
"Fui à China Lá" – Versão Paranaense
"Mulher Rendeira" – Versão Pernambucana
"Amarelinha" – Resgate da Origem egípcia (primeiro registro de surgimento do jogo)
"Se Eu Fosse Um Peixinho" (integrado em poutpurri)
"Pai Francisco" ((integrado em poutpurri)
"Elefante Colorido" - "Encontrar figuras nas nuvens" - "Já Quem Pô" - "Carneirinho Carneirão" - "Pipa" ou "Raia" - "Boneca de Pano" - "Bem-me-Quer, Mal-Me-Quer" - "A Canoa Virou" - "Passa-Passa Gavião"

Serviço
Peça: Brincando com Arte
Dia: 11 de outubro (quinta-feira)
Endereço: Ginásio do Parque São George – R: do Parque, 155, Pq. São George
Horário: 14h e 15h30
Gênero: Espetáculo para a Infância e Juventude
Duração: 70 minutos
Classificação Livre
Gratuito 

Veja mais notícias sobre Teatro.

Veja também: